Como acumular €100.000 sem grande esforço?

Poupança

Como acumular €100.000 sem grande esforço?

2 min Partilhar 21 de Novembro, 2019

Search
Generic filters
Exact matches only
Riqueza

Quer poupar dinheiro e não sabe como nem por onde começar? Bem, pode começar por este artigo onde lhe mostramos como é possível acumular muito dinheiro sem grande esforço. Se não acredita, dê-nos o benefício da dúvida.

Como poupar dinheiro?

Para poupar dinheiro tem de querer fazê-lo. Pode não ser politicamente correto dize-lo mas temos de o fazer. Não podemos querer poupar dinheiro se mantemos os mesmos hábitos de consumo ou de despesa. Se o dinheiro praticamente nem chega para as despesas do mês como poderá querer colocar algum dinheiro de parte se não muda nada? Nunca se esqueça que não podemos esperar resultados diferentes se mantemos os mesmos processos. Logo, para poupar dinheiro tem de atacar as principais fontes de despesa com alguma criatividade.

Cortar nos créditos

É tão fácil cortar despesas com créditos. Já reparou na evolução das taxas de juro? Durante vários anos as taxas de juro de mercado têm vindo a cair de forma significativa, tendo mesmo atingido valores negativos. Por outro lado, os bancos estão desejosos de conceder crédito às famílias, especialmente os créditos com garantias, como o caso do crédito habitação. Logo, para cortar dinheiro com créditos tem de perceber se é possível transferir o seu crédito habitação para outro banco e com isso reduzir os custos com juros (redução do spread) e os custos com os produtos e serviços associados (com especial destaque para o seguro de vida do crédito habitação). É também possível cortar com os custos de outros créditos através da consolidação de créditos ou mesmo da negociação de alguns destes créditos diretamente com as instituições financeiras. Se é possível, porque não tenta?

Cortar nos seguros

Na secção anterior falamos do seguro de vida de crédito habitação, despesa em que é possível cortar mais de 50% com o recurso a uma companhia de seguros especialista. No entanto, existe um potencial muito grande e ainda inexplorado de redução de custos, seja com o seguro automóvel seja com os restantes seguros. É fundamental ter uma boa carteira de seguros, para estar protegido, mas é possível cortar custos de forma significativa.

Cortar nos restantes contratos

É possível cortar custos nos vários contratos que temos, como sendo as despesas com eletricidade e gás (juntando os operadores), as despesas com a água (por exemplo, percebendo se tem descontos pelo número de pessoas do agregado familiar) ou a renegociação dos pacotes de telecomunicações (escolher um pacote adequado às suas necessidades e negociando o preço com o seu operador). O importante mesmo é estar atento e assumir uma postura de negociação.

Mas depois de cortar é preciso…

É sempre bom cortar as despesas pois estamos a pagar menos pelo mesmo ou mesmo por melhor produto ou serviço. No entanto, se queremos poupar mesmo dinheiro temos de decidir o destino a dar a esta poupança. O nosso velho eu é bem capaz de decidir que tem de destinar este dinheiro para gastar, para fazer novos créditos, para viajar ou para outra coisa qualquer. Talvez seja preciso ter espaço para gastar de modo a garantirmos um mínimo de qualidade de vida. No entanto, na maioria dos casos, se vivíamos bem com aquelas despesas não precisamos de correr a gastar o dinheiro extra noutras despesas.

Se o nosso objetivo é poupar dinheiro, devemos destinar o diferencial entre as anteriores despesas e as novas para uma conta poupança. Idealmente, poderemos investir uma parte importante deste capital na expetativa de obtermos um retorno, aumentando assim as possibilidades de consumo futuro. Para o ajudar, preparámos um Ebook sobre investimentos bem como um pequeno guia para começar a investir o seu dinheiro.



Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Olá, sou o João, em que posso ajudar?

Outros